Dr. Arthur Vicentini

Doenças da hipofaringe

Atualizado em: 16/11/2021
Tempo de leitura: 2 minutos
Sumário
Acompanhe no youtube
icon metro youtube arthur vicentiniinscreva-se

A faringe, mais conhecida popularmente como garganta, é a parte posteriormente ao nariz e a boca.

Ela é dividida em três partes: nasofaringe que é a região posterior ao nariz, orofaringe que é a região posterior à boca, e a hipofaringe que é a região que fica embaixo e a última parte da divisão entre o trato respiratório e o trato digestivo.

Até certo ponto, tanto o alimento quanto o ar passam pelo mesmo canal e depois se dividem.

A parte por onde passa o ar e o alimento ao mesmo tempo é a hipofaringe, por isso, quando temos doenças dessa região, elas estão relacionadas com alterações da respiração, da fala e da deglutição.

Fatores de risco das doenças da hipofaringe

Os principais fatores de risco para doenças malignas da hipofaringe são substâncias que nós ingerimos e que podem ser lesivas e nocivas, por exemplo, o hábito de tabagismo.

As doenças da hipofaringe não estão relacionadas apenas com o cigarro, também estão relacionadas com o uso de maconha, narguilé e outras substâncias.

Além disso, o consumo excessivo de álcool por período prolongado, principalmente associado ao uso do cigarro, também podem desenvolver lesões nessa região que ao longo do tempo viram câncer.

Tratamento das doenças da hipofaringe

O tratamento dos tumores da hipofaringe está relacionado com o tamanho e a localização desse tumor.

Se for um tumor pequeno em uma localização favorável, é possível optar por uma cirurgia para retirada desse nódulo. Em alguns casos, é preciso também fazer a retirada dos gânglios linfonodos, conhecidos também como linfonodos, porque é muito comum os cânceres de hipofaringe se espalharem para os linfonodos.

Em casos de doenças mais avançadas ou em que o paciente terá alteração da função, dificuldade para deglutir ou não tem condições de ir para a cirurgia, o tratamento pode ser feito através de quimioterapia, radioterapia ou o conjunto das duas modalidades.

Se você conhece alguém que tem dificuldade para engolir, engasgos, alterações da voz ou caroços no pescoço, compartilhe esse post com ele!

Acompanhe no youtube
icon metro youtube arthur vicentiniinscreva-se

Dr. Arthur Vicentini da Costa Luiz

CRM-SP 154.086
Médico graduado pela Faculdade de Medicina da Universidade de São Paulo (USP), com residência médica em Cirurgia Geral e Cirurgia de Cabeça e Pescoço.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Câncer de Tireoide: O risco aumenta com a idade?

Saiba mais sobre a complexidade do câncer de tireoide, desde sua variedade de patologias até a importância da avaliação médica especializada para um tratamento eficaz.
Saiba Mais

Cicatriz pós-operatória de Cirurgia de Cabeça e Pescoço

Descubra a importância dos cuidados pós-operatórios com a cicatrização, compartilhada pelo cirurgião Arthur Vicentino. Melhore sua qualidade de vida após a cirurgia!
Saiba Mais

Nódulos da parótida: quais são os sinais de alerta?

Descubra as origens, sinais de alerta e as indicações de cirurgia dos nódulos na parótida. Informe-se para entender mais sobre essa glândula. Saiba mais!
Saiba Mais
Atenção: O site  www.arthurvicentini.com.br  visa melhorar o acesso aos pacientes à informação de qualidade sobre sua saúde, porém nada substitui uma avaliação completa, durante consulta médica e diagnóstico adequados.

Dr. Arthur Vicentini da Costa Luiz – CRM 154.086 | Desenvolvido por Surya Marketing Médico.

Todos os direitos reservados © 2024
Atualizado em: 
16:21 | 29/02/2024
magnifiercross