Dr. Arthur Vicentini

O que são as glândulas parótidas?

Atualizado em: 25/11/2021
Tempo de leitura: 2 minutos
Sumário
Acompanhe no youtube
icon metro youtube arthur vicentiniinscreva-se

O corpo humano possui duas glândulas parótidas que ficam localizadas na frente da orelha, uma de cada lado. Essas glândulas são salivares, ou seja, produzem saliva composta por água, enzimas e sais minerais.

As glândulas parótidas são as maiores glândulas salivares que temos em nosso organismo. Trabalham praticamente o dia inteiro, mas possuem uma função aumentada durante o período de alimentação.

As doenças das glândulas parótidas

Essas glândulas podem ser sítios de várias doenças diferentes, sendo benignas, inflamatórias ou reumatológicas (autoimunes).

Falando especificamente dos nódulos da parótida, eles costumam ser benignos em 80% dos casos, porém, em 20% é possível se deparar com nódulos malignos.

Sintomas de nódulos da parótida

É bastante importante ficar atento aos sintomas relacionados com esses nódulos. O primeiro sinal mais visto geralmente é um abaulamento da região, a partir disso é preciso realizar uma investigação.

Alguns sinais que podem sugerir algum grau de malignidade são:

  • crescimento muito rápido do nódulo;
  • vermelhidão local;
  • perfuração da pele com saída de secreção;
  • movimentação dos músculos da face;
  • dor e febre.

Diagnóstico de nódulos da parótida

O diagnóstico começa com exames de imagem, como: ultrassonografia, ressonância e tomografia, e depois realizamos um exame que é chamado de Punção Aspirativa por Agulha Fina. Neste último exame, insere-se uma agulha, aspiram-se algumas células do nódulo e coloca-se em um microscópio para o patologista analisar.

Após identificar se os nódulos são benignos ou malignos, um tratamento é proposto.

Tratamento de nódulos da parótida

Mesmo os tumores benignos da glândula parótida, muitas vezes precisam ser operados de uma forma um pouco mais breve para evitar um crescimento que interfira no funcionamento do nervo facial, que é responsável por toda a movimentação dessa região e passa por dentro da parótida.

Ao se deparar com nódulos da glândula parótida, procure um bom Cirurgião de Cabeça e Pescoço para que seja feita uma investigação e um tratamento.

Acompanhe no youtube
icon metro youtube arthur vicentiniinscreva-se

Dr. Arthur Vicentini da Costa Luiz

CRM-SP 154.086
Médico graduado pela Faculdade de Medicina da Universidade de São Paulo (USP), com residência médica em Cirurgia Geral e Cirurgia de Cabeça e Pescoço.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Distúrbios da tireoide e como identificá-los

Descubra como os distúrbios da tireoide, como o hipotireoidismo e o hipertireoidismo, podem afetar sua qualidade de vida. Saiba mais sobre os sintomas, diagnóstico e tratamento.
Saiba Mais

Rouquidão: o que causa e sintomas de alerta

Descubra a importância da fisiologia vocal e os fatores que podem afetá-la. Desde a vibração das cordas vocais até as causas da rouquidão, mergulhe nesse universo complexo e entenda os sinais de alerta que demandam atenção especial.
Saiba Mais

Nódulos da Tireoide: diagnóstico e opções de tratamento

Nódulos da tireoide: conheça causas, sintomas e tratamentos. Saiba identificar os sinais precoces de problemas na tireoide. Clique aqui!
Saiba Mais
Atenção: O site  www.arthurvicentini.com.br  visa melhorar o acesso aos pacientes à informação de qualidade sobre sua saúde, porém nada substitui uma avaliação completa, durante consulta médica e diagnóstico adequados.

Dr. Arthur Vicentini da Costa Luiz – CRM 154.086 | Desenvolvido por Surya Marketing Médico.

Todos os direitos reservados © 2024
Atualizado em: 
15:55 | 23/05/2024
magnifiercross