Dr. Arthur Vicentini

Nódulos da Tireoide: diagnóstico e opções de tratamento

Atualizado em: 14/05/2024
Tempo de leitura: 4 minutos
Nódulos da tireoide são formações sólidas anormais que podem apresentar comportamento benigno ou maligno. Eles frequentemente não apresentam sintomas, tornando o diagnóstico precoce crucial. Compreender as causas, sintomas e opções de tratamento é essencial para garantir a saúde da tireoide e do indivíduo. Entenda mais sobre esse assunto lendo o texto abaixo.
Sumário
Acompanhe no youtube
icon metro youtube arthur vicentiniinscreva-se
A Imagem Ilustra Um Pescoço E Destaca A Glândula Tireoide
Nódulos Da Tireoide: Diagnóstico E Opções De Tratamento

A tireoide, uma pequena glândula endócrina localizada na parte anterior do pescoço, desempenha um papel importante na regulação do metabolismo, na produção de hormônios e no funcionamento de diversos órgãos do corpo. 

Ela é responsável pela síntese dos hormônios tireoidianos baseados em iodo, como a tiroxina (T4) e a tri-iodotironina (T3), além de suas variantes, que atuam no controle da temperatura corporal, do metabolismo energético e da função cardíaca. No entanto, a tireoide pode desenvolver nódulos, que são pequenos crescimentos na glândula. 

Neste artigo, vamos explorar os nódulos da tireoide, incluindo o que são, quais os sintomas, como é realizado o diagnóstico e quais são as opções de tratamento. Leia até o final e saiba mais!

O que são e como surgem os nódulos da tireoide?

Os nódulos da tireoide são crescimentos anormais que se formam na glândula tireoide. Eles podem variar em tamanho e podem ser únicos ou múltiplos. Os nódulos da tireoide podem surgir devido a várias causas, sendo as mais comuns:

  • Nódulos benignos: a maioria dos nódulos da tireoide é benigna. Esses nódulos são muito frequentes na população em geral e, na maioria absoluta dos casos, não trazem preocupações maiores nem necessitam realização de biópsias ou cirurgias.
  • Nódulos malignos: em casos menos comuns (mas, ainda assim, bastante frequentes em nosso dia-a-dia), os nódulos da tireoide podem ser malignos e, com isso, apresentam características diferenciadas. O carcinoma papilífero e o carcinoma folicular são os tipos mais comuns de câncer de tireoide.
  • Inflamação da tireoide: a tireoidite, uma inflamação da glândula tireoide, pode levar à formação de nódulos ou pseudo-nódulos.
  • Deficiência de iodo: a falta de iodo na dieta pode contribuir para o aumento da glândula e desenvolvimento de nódulos da tireoide, normalmente conhecido como bócio.

Quais são os sintomas de nódulos da tireoide?

Em muitos casos, os nódulos da tireoide são assintomáticos e são descobertos incidentalmente durante exames de imagem solicitados em caráter de rotina ou mesmo por outras causas. No entanto, quando os sintomas estão presentes, eles podem incluir:

  • Inchaço no pescoço: nódulos da tireoide podem causar uma sensação de inchaço na região do pescoço.
  • Dificuldade para engolir: nódulos grandes podem pressionar o esôfago, causando dificuldade para engolir.
  • Desconforto para respirar: nódulos maiores na tireoide podem levar a desvio da traqueia e até compressão da mesma, causando restrição à passagem do ar e gerando desconforto respiratório.
  • Mudanças na voz: nódulos de tamanho considerável podem afetar a laringe, onde se encontram as cordas vocais, e causar rouquidão ou alterações na voz.
  • Dor ou desconforto: alguns pacientes relatam dor na região do nódulo.
  • Hiperfunção ou hipofunção tireoidiana: nódulos da tireoide podem alterar a produção de hormônios tireoidianos, levando a sintomas de hiper ou hipotireoidismo.

Como é realizado o diagnóstico de nódulos da tireoide?

O diagnóstico de nódulos da tireoide envolve uma abordagem multifacetada, incluindo:

  • Exame físico: o médico realizará um exame físico do pescoço para verificar a presença de nódulos ou qualquer outra alteração anatômica na tireoide.
  • Ultrassonografia: a ultrassonografia da tireoide é uma ferramenta essencial para avaliar o tamanho, a forma e a estrutura dos nódulos.
  • Biópsia: a biópsia por punção com agulha fina (PAAF) é frequentemente realizada para determinar se um nódulo é benigno ou maligno.
  • Exames de função tireoidiana: exames de sangue, como a dosagem de TSH (hormônio estimulante da tireoide) e dos hormônios tireoidianos T3 e T4, ajudam a avaliar o funcionamento da tireoide.

Quais as opções de tratamento de nódulos da tireoide?

O tratamento de nódulos da tireoide depende da natureza dos nódulos e dos sintomas associados:

  • Observação: nódulos benignos pequenos e assintomáticos podem ser monitorados ao longo do tempo.
  • Medicamentos: alguns medicamentos, como a levotiroxina e o tapazol, podem ser prescritos para regular a função tireoidiana.
  • Cirurgia: em casos de nódulos malignos, nódulos sintomáticos ou nódulos que aumentam de tamanho, a cirurgia pode ser necessária para remover a tireoide (tireoidectomia parcial ou total).
  • Também existem métodos alternativos de tratamento como a ablação por radiofrequência e microondas, para tratamento menos invasivo de nódulos específicos. Vale lembrar que sua aplicação ainda é menos consagrada e deve ser indicada com parcimônia, tanto para nódulos benignos quanto malignos.

Os nódulos da tireoide são uma condição comum que pode variar em natureza, desde benigna a maligna. O diagnóstico precoce, a avaliação adequada e o tratamento adequado são cruciais para garantir a saúde da tireoide e do paciente. 

É fundamental que as pessoas estejam cientes dos sintomas potenciais e busquem avaliação médica se notarem alterações no pescoço ou sintomas relacionados à tireoide.

Acompanhe no youtube
icon metro youtube arthur vicentiniinscreva-se

Dr. Arthur Vicentini da Costa Luiz

CRM-SP 154.086
Médico graduado pela Faculdade de Medicina da Universidade de São Paulo (USP), com residência médica em Cirurgia Geral e Cirurgia de Cabeça e Pescoço.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Distúrbios da tireoide e como identificá-los

Descubra como os distúrbios da tireoide, como o hipotireoidismo e o hipertireoidismo, podem afetar sua qualidade de vida. Saiba mais sobre os sintomas, diagnóstico e tratamento.
Saiba Mais

Rouquidão: o que causa e sintomas de alerta

Descubra a importância da fisiologia vocal e os fatores que podem afetá-la. Desde a vibração das cordas vocais até as causas da rouquidão, mergulhe nesse universo complexo e entenda os sinais de alerta que demandam atenção especial.
Saiba Mais

Nódulos da Tireoide: diagnóstico e opções de tratamento

Nódulos da tireoide: conheça causas, sintomas e tratamentos. Saiba identificar os sinais precoces de problemas na tireoide. Clique aqui!
Saiba Mais
Atenção: O site  www.arthurvicentini.com.br  visa melhorar o acesso aos pacientes à informação de qualidade sobre sua saúde, porém nada substitui uma avaliação completa, durante consulta médica e diagnóstico adequados.

Dr. Arthur Vicentini da Costa Luiz – CRM 154.086 | Desenvolvido por Surya Marketing Médico.

Todos os direitos reservados © 2024
Atualizado em: 
15:55 | 23/05/2024
magnifiercross